domingo, 3 de junho de 2018

Poema bem intencionado





Não sou rica, tampouco bela
Vivo bem assim como sou
Talvez não seja como você sonhou 
Aquela mulher retratada na tela

Preservo uma virtude cara
Lealdade hoje em dia tão rara
Defeitos  são muitos eu sei. 
Não sou santa, confesso já pequei!

Não disponho de tesouros 
As jóias que guardo comigo
sensibilidade e cumplicidade
valem pra mim mais que ouro

Não tenho títulos e nem brasão 
apenas oferto a ti meu coração 
Aceitas assim o meu amor
Apenas responda , Sim ou Não!



Nenhum comentário: