segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

Minha poesia

        

           





          Minha poesia se desnuda
          Sem receios e sem medos
          Não tem regras nem é sisuda
          Muito menos carrega segredos


          Retumba na rua aqui e acolá
          Levando a mensagem predileta
          Fazendo assim os sonhos brotar
          Na escrita inspiradora do poeta



          A poesia segue suave e livre
          Transpondo vales,desertos e mares
          Onde o amor ainda se vive
          Festejado e colorido nos ares

Nenhum comentário: