quinta-feira, 25 de janeiro de 2018

As palavras





Bailam em mim as palavras
Em movimentos são arredias e fugidias
Pergunto a elas se querem dançar
Esnobes dão giros e rodopios
Recolho-me ao meu silenciar
Enquanto elas viram poesia!

Nenhum comentário: